Bright like a diamond
Se você não entende meu silêncio, muito dificilmente entenderá o que eu falo.

Amor, estou muito ocupado sendo seu para me apaixonar por outra pessoa.

Do I Wanna Know?  (via requiz)
Há 9 horas - 12.483 notas - reblog

Ela explicava, sorrindo: Não, gurizinho. É que, quando a gente gosta mesmo duma pessoa, a gente faz essas coisas.

Caio Fernando de Abreu.         (via contundir)
Há 9 horas - 13.339 notas - reblog

Enquanto a vida vai e vem, você procura achar alguém que um dia possa lhe dizer: Quero ficar só com você.

Renato Russo. (via relevoar)
Há 9 horas - 22.402 notas - reblog

Qual é? Morrer é um cliché. Obriga você a sair no melhor da festa sem se despedir de ninguém, sem ter dançado com a garota mais linda, sem ter tido tempo de ouvir outra vez sua música preferida. Você deixou em casa suas camisas penduradas nos cabides, sua toalha úmida no varal, e penduradas também algumas contas. Os outros vão ser obrigados a arrumar suas tralhas, a mexer nas suas gavetas, a apagar as pistas que você deixou durante uma vida inteira.

Pedro Bial.   (via imunidades)
Há 9 horas - 12.394 notas - reblog

Cansado de prazeres momentâneo, ando em busca de algo mais duradouro.

Efeito Colateral. (via supostos)
Há 9 horas - 2.805 notas - reblog

Eu prefiro ser tudo menos comum, por favor.

Anything But Ordinary   (via verbografos)
Há 9 horas - 1.837 notas - reblog

As vezes a felicidade está batendo na sua porta, mas você está no quintal procurando por um trevo de quatro folhas.

Desconhecido. (via protagonizar)
Há 9 horas - 6.419 notas - reblog

Essa moça é um poço de caos e uma profundeza de calmaria.

A Escritora de Bar. (via nevarias)
Há 9 horas - 2.807 notas - reblog

Está vazio e frio sem você aqui.

Avenged Sevenfold.   (via orquide)
Há 9 horas - 1.572 notas - reblog

Ela tinha uma constelação inteira escondida dentro dos seus olhos.

As lima. (via protagonizar)
Há 9 horas - 16.832 notas - reblog

A gente até consegue ser feliz sozinho. Mas é tão melhor ouvir o som de uma gargalhada no mesmo ritmo da tua.

Allax Garcia.  (via inverbos)
Há 9 horas - 50.554 notas - reblog

Abraço tem que ter pegada, jeito, curva. Aperto suave, que pode virar colo. Alento tenso, que pode virar despedida. Abraço é confissão. Abraço não pode ser rápido senão é empurrão. Requer cruzamento dos braços e uma demora do rosto no linho. Abraço é para atravessar o nosso corpo.

Fabricio Carpinejar. (via manuscrite)
Há 9 horas - 15.790 notas - reblog

Mas esse vazio ela conhece muito bem.

Legião Urbana.  (via thiaramacedo)
Há 9 horas - 2.810 notas - reblog

Aos 17 anos todo mundo é poeta, junto com as espinhas da cara, todo mundo faz poesia. Homem, mulher, todo mundo têm seu caderninho lá dentro da gaveta, e têm os seus versinhos que depois ele joga fora ou guarda como mera curiosidade. Ser poeta aos 17 anos é fácil, eu quero ver alguém continuar acreditando em poesia aos 22 anos, aos 25 anos, aos 28 anos, aos 32 anos, aos 35 anos, aos 40 anos, eu estou com 41, aos 45 anos, aos 50, aos 60 anos, até você encontrar um poeta, por exemplo, como Drummond ou como o admirável Mário Quintana que são poetas que estão fazendo poesia há mais de 60 anos e há mais de 60 anos que a poesia é o assunto deles. Então eu acho que 90%, mais! 99% dos poetas que estão fazendo poesia hoje, daqui a dez anos eles vão estar fazendo outra coisa, porque vem a vida, vem os filhos, vem preocupações com dinheiro, vem as ambições do consumo, vem a necessidade de comprar isso, comprar aquilo, de adquirir uma casa na praia e tal, e tudo começa a se tornar mais importante do que a poesia. A poesia é uma espécie de heroísmo, você continuar ao longo dos anos acreditando nessa coisa inútil que é a pura beleza da linguagem, que é a poesia, é um heroísmo, é uma modalidade quase, às vezes eu gostaria de acreditar, de santidade. É uma espécie de santidade da linguagem. Porque a poesia não vai te fazer rico de jeito nenhum, é muito mais fácil você abrir uma banquinha e vender banana do que fazer poesia. Quer dizer, para você continuar acreditando em poesia é preciso muita santidade.

Paulo Leminski em Ervilha da Fantasia.    (via cuidei)
Há 9 horas - 12.091 notas - reblog
© THEME